Quinto dia do SPFW Inverno 2009

Padrão

15h00 Maria Bonita

maria-bonita1

Com inspiração no circo e foco no palhaço, Maria Bonita abriu o quinto dia do SPFW.

A estilista Danielle Jensen mostrou sua coleção como um clássico da cultura popular brasileira, artistas nômades que ensinam muito sobre arte e educação.

Calças “agigantadas”, camisas, paletós e bermudas, tudo bem grande, estampas de bola, suspensório, gola que vieram a partir da gravata, tudo bem circense a não serem as cores, cinza, marrom e azul claro.

“Respeitável público”, o desfile foi um sucesso!

Veja alguns momentos do desfile:

 

16h00 Simone Nunes

simone

Com referência em um inverno tropical e influência do Havaí e da cultura Tiki (da Polinésia), a estilista Simone Nunes mostra uma coleção com flores cobertas de paetês, shortinho curtinho, vestidos em veludo misturados com outros tecidos.

A cartela de cores é constituída de tons escuros, marrom, azul, verde e cáqui.

A maioria dos vestidos é reto com a cintura marcada por cintos fininhos, aparecem os tricôs, e o melhor de tudo: apesar dos comprimentos curtinhos, as peças apresentam formas soltas.

Veja alguns momentos do desfile:

 

 

17h00 UMA Raquel Davidowicz

uma

A estilista Raquel Davidowicz mostrou uma coleção elegante, sem deixar de ser casual e moderna.

Com peças tanto para eles quanto para elas, a marca sugere peças de alfaiataria e ao mesmo tempo, streetwear, com maxi golas, malhas, seda, nylon as cores variam de preto, marrom, bege, cinza e vermelho.

Para elas, a moda sugere roupas mais amplas, como os vestidos que estão na altura do joelho e as calças sarouel.

Para eles, looks mais secos, tanto nas calças como na parte de cima do corpo.

Veja alguns momentos do desfile:


18h00 Reserva

reserva

A marca mescla elementos da cultura judaica e africana, fazendo um manifesta à paz e propondo respeito às diferenças.

A coleção é constituída de elementos confortáveis, como suéteres de linho, blusões de tricô, parkas, calças sarouel e jaquetas, a cartela trazia preto, branco, coral, vermelho e verde esmeralda.

Muitas peças vieram com informação de vestuário utilitário.
Destaque para o tricô tecnicolor de pontos largos, acessórios de macramê e tênis de cano mais alto em patchwork xadrez e sandálias Havaianas.
No final, os modelos voltaram às passarelas com bandeiras brancas.
 

19h00 Samuel Cirnansck

samuel

Folhas, árvores desfolhadas, neve, frio e uma trilha melancólica, sugerindo tristeza, é assim que o cenário estava.

As modelos entram: vestidos na altura dos joelhos, casacos e capas de lã bem pesados e golas estruturadas, saias farfalhantes, corsets, rendas, bordados (inspirados no folclore russo), cinturinhas e renda, muita renda.

A cartela de cores inclui pérola, bege, verde militar, cereja dourado e preto.

Veja alguns momentos do desfile:

 

21h00 André Lima

 

O estilista André Lima, amante da exuberância feminina, buscou na mistura do glamour hollywoodiano, na delicadeza do figurino de “Amor à Flor da Pele” (filme de Wong Kar-Wai), e conseguiu a inspiração para sua coleção, romântica e graciosa.

A coleção conta com tules, muitos volumes de tule, laços vindos de origamis torcidos, arrematavam decotes e cinturas.
Destaque para as silhuetas impecáveis, na forma de sereia.
Desfile muito elegante e sofisticado.

Veja alguns momentos do desfile:

 

 

Todas as fotos utilizadas neste post foram retiradas do site www.uol.com.br/estilo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s