Livro “A ditadura da moda”

Padrão

livro 

A Conrad acaba de lançar o primeiro romance da jornalista Nina Lemos, chamado “A ditadura da moda”. 

Há mais de uma década, a indústria da moda se estabeleceu no Brasil como um negócio multibilionário, com eventos que mobilizam milhares de pessoas, modelos e estilistas transformados em mega-estrelas e uma atenção por parte da mídia que talvez não se repita com tamanha intensidade em nenhuma outra parte do mundo.

Porém, apesar da riqueza e da influência que exerce no cotidiano dos brasileiros, o universo da moda permanece sendo um tema pouco explorado nas obras de ficção produzida no país, seja na dramaturgia ou na literatura, a não ser em representações um tanto caricatas em novelas e seriados de TV.

Em A Ditadura da Moda, a jornalista Nina Lemos mergulha de cabeça nesse mundo que conhece tão bem para trazer à tona um relato leve e divertido, que revela as entranhas do glamour de desfiles e semanas de moda de forma nua e crua, mas sem perder o bom humor que lhe é característico. E assim se sucedem os acontecimentos mais bizarros, de um manifesto anticonsumo promovido por uma estilista caríssima a um galã de novela literalmente brigando por um lugar na primeira fila de um desfile – tudo isso narrado por uma jornalista à beira de um ataque de nervos, atormentada com a confrontação de seu presente de colunista (e ditadora) de moda com seu passado de filha de militantes comunistas que participaram da luta armada contra a ditadura militar.

A autora

autora

Nina Lemos nasceu no Rio de Janeiro em novembro de 1970, filha de pais da chamada esquerda festiva. Ainda era bebê quando soube que o Brasil vivia em uma ditadura militar e, com 12 anos, participou da comício das Diretas Já. Nunca foi à Disney porque seus pais achavam que isso era coisa de alienado.

Jornalista e escritora, publicou cinco livros de crônicas junto com as companheiras do trio “pós-feminista de humor” 02 Neurônio. Com as amigas, mantém um blog no portal Uol e é colunista do jornal Folha de S.Paulo.

Já fez de tudo um pouco no jornalismo, de repórter policial conhecida por seu medo de cobrir rebeliões na Febem a crítica de moda anarquista.

Hoje vive em São Paulo, é repórter especial da revista Tpm e colaboradora da Folha, onde integra a equipe de cobertura de moda.

Leia a primeira página pra sentir um gostinho do que é o livro:

livro2

Se quiser comprá-lo, o link pra loja da própria CONRAD é este: COMPRAR

Anúncios

Sobre Pence Fundamental

Uma cidadã do mundo, livre, sem fronteiras, que ama viajar e conhecer novos lugares, seres vivos, trocar ideia. Estuda e investiga arte contemporânea, design e moda. Vegetariana fanática por futebol!!! Formada em Design de Moda, Mestranda em Design,que ama estudar assuntos não-relacionados à este campo, mas que ao serem inseridos agregam novos olhares e possibilidades. AMO minha família, meus amigos- humanos e animais- TODDY, Olívia, Alfajor que não está mais entre nós, Quilmes, Torrone, meu companheiro MAU...e punk rock- minha escola de vida, ética, ideais e valores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s