Veludo… toque vintage

Padrão

Toque Vintage

Sobre o estilo

A palavra inglesa “vintage” usada para designar o ano ou safra de vinhos e de outras bebidas foi incorporada ao vocabulário da moda nos anos 80 como referência a roupas de outras décadas.

Com o passar do tempo, o vintage estabeleceu-se como uma cultura dentro do universo da moda, gerando obviamente, novos caminhos de consumo.

Livros especializados sobre o tema foram lançados e manuais com regras de pesquisa para a identificação de peças autenticas tornaram-se necessários para os adeptos do estilo, colecionadores e pessoas atuantes no comercio vintage.

Tipos de acabamento, etiquetas, linhas de costura e outros dados funcionam como pistas para o veredicto sobre a origem de um jeans, vestido, bolsa ou casaco, que poderiam adquirir preços elevados de acordo com sua procedência e ano de fabricação.

Brechós e lojas de roupas usadas passaram a ser procurados por clientes e comerciantes, que, em seu garimpo constante, buscavam peças que fossem sinônimo de exclusividade no mundo da moda globalizada.

vestido de veludo de Scarlett O'Hara em "E o vento levou"...

Tendência: toque vintage

O veludo volta à cena em peças ou acessórios.

Veludo sempre andou junto com sofisticação.

Com a recessão pós-Primeira Guerra Mundial, ele foi temporariamente esquecido- voltou nos anos 60 em versões menos nobres, feitas de material sintético. Isso reduziu custos e o tecido se popularizou.

No inverno de 2009 ele reinou nas passarelas e agora ele reapareceu em alguns acessórios como bolsas, pulseiras, sapatos e colares, além de peças-chave.

O melhor é que ele pode ser utilizado sem restrições de noite ou dia.

Sobre o veludo:


Palavra originada do latim villosus, usada para referir-se ao tecido natural ou sintético que tem o avesso liso e o lado de fora coberto de pêlos curtos, densos e bem fechados com textura macia e agradável ao toque.

Cotelê, estampado,liso, molhado, de seda ou de algodão, o veludo sempre foi muito apreciado na moda contemporânea, principalmente nas décadas de 60 e 70, quando calças, coletes e outras peças confeccionadas com o tecido eram itens obrigatórios nos guarda-roupas de homens e mulheres.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s