John Galliano nazi?

Padrão

Depois de dizer que amava Hitler o estilista John Galliano foi demitido hoje (terça-feira) da Maison Christian Dior, foi o que informou o jornal francês “Le Monde”.

“Em razão do comportamento de caráter particularmente detestável de John Galliano no vídeo divulgado na segunda-feira, a maison Christian Dior decidiu por sua demissão imediata e iniciou o processo de desligamento”, disse a grife em comunicado, em referência às imagens divulgadas  em que o estilista dizia “eu amo Hitler”.

A Dior havia suspendido Galliano na sexta-feira, após ele ter acusado um casal com insultos antissemitas.

“Nós repudiamos em absoluto os comentários feitos por John Galliano, que são totalmente incoerentes com os valores da Christian Dior”, afirmou o presidente da marca Sidney Toledano em comunicado.

Ele ocupava o posto de diretor criativo da marca desde 1996.

A última coleção de Galliano para a Dior será apresentada nesta sexta-feira, às 14h30 (horário local), durante a semana de moda de Paris. O estilista também desfilará o Inverno 2011 da marca que leva seu nome no domingo, às 17h.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s