DICA DE LEITURA: ALÉM DAS FORMAS: introdução ao pensamento contemporâneo no design, nas artes e na arquitetura.

Padrão

ALÉM DAS FORMAS: introdução ao pensamento contemporâneo no design, nas artes e na arquitetura, de Carlos Zibel Costa- editora ANNABLUME.

Como mestranda em design, a necessidade de esclarecimento e busca por novos repertórios e respostas para inquietações- acredito eu- que se dê por meio da leitura.

Estou lendo este livro e estou gostando da linha de desenvolvimento do autor- com as inúmeras citações e diálogos bastantes “didáticos”.

O livro apresenta novos olhares e parâmetros sobre perspectivas em torno dos movimentos (moderno, pós-moderno e contemporâneo), assim como levanta discussões sobre modernismo e modernidade.

Dos acontecimentos no contexto social e cultural que antecede e permeia os movimentos do modernismo (e sua ideia de “novidade”) ao pós-modernismo, que se “desenvolve e evoluiu” acarretando  no “contemporâneo”.

O livro é divide em quatro capítulos:

Capitulo I- “Para entender a cultura e o período contemporâneo”, traçando acontecimentos nos períodos históricos como fatos que marcaram a transição do modernismo para o pós-modernismo e deste para o atual “contemporâneo.

Capitulo II- “Sobre o Pós-Estruturalismo”, abordando a compreensão a partir de jogos de força e a maneira de como se estabelece “a verdade absoluta” e como ela é quebrada.
Aqui também se discutem contextos de intertextualidade, da crítica cultural e da quebra de fronteiras, rupturas.

Capitulo III- “Outros conceitos contemporâneos de interesse”, discute oito expressões recorrentes durante a virada dos séculos 20 para o 21: complexidade, rede, rizoma, híbrido, virtual, sustentável, dobra e afetividade.

Capitulo IV- “Três ensaios críticos”:
 1. Tela
 2. Objeto  
3. Projeto-  tomemos este último para análise por sua importância interdisciplinar, em que arquitetura, design e artes cada vez mais se encontram .

É obvio que aqui eu só busco instigar o leitor- você- a buscar esse livro ou este assunto e ir além… quanto mais se sabe, mas sabemos que nada sabemos, algo assim?
Eu particularmente estou amando este livro e acredito que quem se interessa por essas questões também vai gostar.
Fica aqui a dica!

Mariana Arruda Simoni
mariana.as@uol.com.br
http://www.pencefundamental.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s