FINAL DE SEMANA EM BUENOS AIRES

Padrão

Eu sei que já falaram que eu e o Mau, meu noivo, temos rodinhas nos pés e eu concordo heheheh! Sempre que possível estamos viajando!

Dessa vez o destino (novamente) foi Buenos Aires, um final de semana bem rápido e bem agitado em terras portenhas.

Dessa vez nossa visita tinha dois próposito maior: sábado show da banda espanhola SKA-P que nunca veio ao Brasil em suas 8 turnês pela América Latina em um estádio que AINDA não conheciamos e domingo as marchas de protesto pelos 37 anos do golpe militar na Argentina.

Foi também a oportunidade de rever pessoalmente amigos muito importantes, como o Adrian, da banda Tango 14.

Depois saímos pra jantar pizzas indíviduais e papas fritas e de sobremesa um delicioso helado!!!

DSC04343

DSC04331

Bom, o show foi DO CARALHOOOOOOOOOOOOOOO!!!

???????????????????????????????

O Estádio foi o palco escolhido pelo SKA-P para apresentar seu último disco, recém lançado, chamado 99%.

Já garantimos o nosso!

O Ska-P (aliás, aqui no Brasil a gente costuma pronunciar “Escapê” quando o correto é “Escápe”) foi formado em 1994, no bairro de Vallecas (já estivemos por lá, no jogo do Rayo Vallecano, em Madrid). A banda tem sua obra marcada pelas críticas sociais contra o capitalismo, o fascismo, imperialismo, racismo entre outros temas. Essa é a atual formação:

E lá vamos nós para o som, dentro do Estádio!!! O estádio fica próximo do centro, umas 40 quadras, mais ou menos e por iso mesmo, muitas vezes foi utilizado por outras equipes da grande Buenos Aires como River Plate, Boca Juniors, Vélez Sarfield, San Lorenzo de Almagro e Argentinos Juniors.

O público lotou o estádio, não ouvi nenhuma informação oficial mas comentava-se que mais de 15 mil pessoas estavam presentes.


Falando um pouco do show e da banda, o SKA-P faz um ska bastante politizado e panfletário, defendem nas suas letras uma ideologia ligada à liberdade e por isso são várias as críticas à polícia, à igreja e ao estado.

A Igreja católica não foi poupada, mesmo com o recente anúncio do papa argentino. No show, a Igreja católica foi representada por um demônio assustador:

O show foi bastante animado, as pessoas dançavam e pogavam por todos os lados, sendo quase impossível ficar lá na frente do palco.

Mas mais do que qualquer coisa, a energia de 15 mil pessoas cantando músicas com temas tão politizados é de animar!

Olha aí um vídeo que achei no youtube com uma das músicas novas sendo tocadas lá no show:

Aqui, eu ainda no aquecimento do show, logo quado entramos!

Ainda com as luzes parcialmente acesas, deu pra ver um pouco de como são as arquibancadas e a cara do Estádio, já rodeado de grandes prédios.

Enfim, foram quase 3 horas de show e de muita festa, discussão política e música! Tudo isso em um estádio… O que mais eu ia querer?

Depois do show fomos jantar no Habbibi, deliciosa casa arábe, onde ficamos “borrachos” com a deliciosa comida bem temperada e o incrível limonada com hortelã:

???????????????????????????????

No dia seguinte fomos nos juntar às manifestações populares que recordam os 30 mil companheiros desaparecidos na ditadura argentina que completa 37 anos. E não é que arrumaram espaço pro futebol também?

???????????????????????????????

 Outras marchas locais já agitaram a capital, desde a noite de sábado, organizadas pelas assembléias populares de bairro.

Foram mais de 5 horas de caminhada e muita cantoria contra o abuso cometido pelos militares durante tantos anos. No Brasil, essa data é o dia 31 de março e não teremos tantas movimentações como lá.

Bom, só pra aproveitar o post e o role, seguem algumas imagens mostrando outros aspectos culturais bacanas de Buenos Aires. Tivemos a oportunidade de conhecer o “GarageArte” um evento realizado pela Victória que reúne, literalmente na garagem, moda, livros, música e amizade!

No mesmo hotel que ficamos, encontramos o pessoal da banda alemã MAD SIN, por lá, gente finíssima.

DSC04399

Almoçamos com amigos queridos:

???????????????????????????????

Fizemos novos amigos, como Sebastian e Chule:

DSC04401

DSC04402

Passeamos também pelas “calles” Florida, Lavalle, Corrientes e Santa Fé, como de costume, demos uma passada na Barrabrava, que fica na galeria Bond Street, na Av Santa Fé, onde funciona a versão local da Galeria do Rock.

DSC04391

DSC04353

Reencontramos amigos, como Lito, dono da tenda  FUTEBOLITO e hincha do Racing.

Mau doido entre as diversas camisas de times:

Nada como passar também na feira de San Telmo:

???????????????????????????????

feira de sa telmo

E seguimos de volta ao ABC…

Antes uma deliciosa milaneja de soja no aeroporto:

???????????????????????????????

»

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s