Arquivo da tag: ALEXANDRE HERCHCOVITCH (MASC.)

SPFW Verão 2011

Padrão

Toda temporada é assim: um evento atrás do outro, é uma correria, mas mesmo assim é muito gostoso e divertido.

Começa hoje a 29ª edição do SPFW temporada Verão 2011.

Ontem rolou um evento pré SPFW no MAM (Museu de Arte Moderna).

Confira o lin up desta temporada:

09 / Quarta

15h Tufi Duek

16h Erika Ikezili

17h30 Priscilla Darolt

19h Rosa Chá

20h15 Reserva

21h30 Cia Marítima

10 / Quinta

12h30 Iódice

15h Ellus

17h Água de Coco por Liana Thomaz

18h Alexandre Herchcovitch (fem)

19h Cori

20h Osklen

21h15 Triton

11 / Sexta

11h Cavaleira

15h30 Maria Bonita

16h30 Wilson Ranieri

17h30 Movimento

18h30 Simone Nunes

19h30 Samuel Cirnansck

21h FH por Fause Haten

12 / Sábado

13h15 Reinaldo Lourenço

15h30 Jefferson Kulig

16h30 Animale

18h30 Ana Salazar

20h Adriana Degreas

21h30 Lino Villaventura

13 / Domingo

12h Do Estilista

14h Neon

16h João Pimenta

17h Paola Robba

18h Amapô

19h Mario Queiroz

21h Colcci

14 / Segunda

13h15 Gloria Coelho

16h Alexandre Herchcovitch (masc)

17h Ronaldo Fraga

18h30 Fernanda Yamamoto

19h V.Rom

20h15 André Lima

Por Mariana Arruda

Contato: pencefundamental@hotmail.com/ mariana.as@uol.com.br

Anúncios

5º dia de SPFW Inverno 2010

Padrão

Penúltimo dia de SPFW, hoje, 21 de Janeiro (quinta-feira), vamos ver o que vai rolando por lá, com os seguintes desfiles: 

12h ALEXANDRE HERCHCOVITCH (MASC.) 

Abrindo o quinto dia de desfiles do SPFW Inverno 2010, Herchcovitch mostra coleção inspirada no filme Bergman do sueco Ingmar Bergman, brincando com elementos da morte e da sedução. 

Os modelos apareceram como “caveiras” com dentes enormes e sorriso no rosto (sorriso da morte), mas esse universo sombrio acaba sendo muito sensual. 

 

As peças vieram cheias de zípers, cintos que ajustam apenas de um lado, calças curtas em alfaiataria, muitas pregas em locais estratégicos, golas pequenas, tricô com brilho, em preto e prata e transparência. 

Destaque para o kilt, a saia escocesa, apareceu no xadrez vermelho e preto clássico (punk), além de ternos muito bem trabalhados. 

15h OESTÚDIO 

No mundo contemporâneo em que vivemos, a moda acompanha as transformações da sociedade e transforma seus meios de reprodução/confecção/processo, foi o caso do desfile de OESTÚDIO que foi totalmente virtual. Nenhuma modelo desfilando ao vivo, tudo foi um vídeo no telão que começou com uma mensagem: para se desenvolver tem que se envolver, ao som de Bach, moças apareceram usando as peças da coleção. 

 

Apenas um modelo masculino, uma feminina e dois dançarinos fizeram parte do vídeo. 

As peças apareceram justas, com jeans, muitas sobreposições de camisetas, casacos sequinhos, muito capuz, muito colorido (Preto, cinza, rosa, amarelo, turquesa), listras, bolsões, bermudas. 

16h JEFERSON KULING

O titulo da coleção é “Mesclar” e o estilista Jefferson Kulig fez jus ao tema, relembrou do trabalho na fábrica de tricô dos pais aos 16 anos para criar sua coleção e ainda “Na fábrica, falávamos mesclar quando juntávamos todos os fios que tinham sobrado e usávamos todos juntos”, disse ele, do backstage, antes do desfile.

Na passarela a “mistureba” deu-se por meio da união de vários tipos de tecidos em uma única peça além da seqüência de transparências, em lã, jérsei e tule, formando estruturas.

As cores em tons de cinzas e pretos, com pinceladas de amarelo, vermelho, azul e marrom.

19h NEON 

Os estilistas Dudu Bertholini e Rita Comparato partiram como referência a idéia da caça e do caçador e dividiram o desfile em duas partes.

A primeira parte foi composta pelos looks das “caçadoras” com botas de montaria, blusas de seda, coletes larguinhos, calças de alfaiataria, tricôs e saia-lápis, tudo em tons de marrom e preto e é claro as estampas lindas da marca.

A segunda parte foi inspirada na caça, os animas da floresta como leão, corujas, morcegos, tucanos e elefantes, aí surgiram peças como vestido de um ombro só, bata de coruja, blusas com dente de elefante, ah a coleção foi incrível!

20h WILSON RANIERI 

Penúltimo desfile do 5º dia de SPFW e o estilista Wilson Ranieri apostou em um verão sensual, com pernas e ombros de fora e alguns decotes.

Na passarela peças com aspecto de alfaiataria, comprimento na altura do joelho, macacões, camisas transparentes, feitas com gaze de seda, também vieram peças mais estruturadas como colete com volume, alguns vestido ou saias.

As cores surgiam em tons de rosé, grafite e vermelho, além de preto e cinza.

21h30 LINO VILLAVENTURA 

Encerrando com chave de ouro o 5º dia de SPFW Inverno 2010, Lino Villaventura abriu o desfile ao som de um tango à la Won Kar Wai e ainda contou que nesta estação, criou suas próprias asas e voou na imaginação, o resultado? Uma VIAGEM.

Na passarela modelos vestiam scarpins meia-pata de 15cm, encrustrados com vidrilhos e plumas, chapéus de meio metro de e vestidos estruturados com muito brilho e algumas transparências.

O destaque vai para as aplicação de pérolas, cristais Swarovski e vidrilhos, além de diversas texturas e sobretudo do patchworks criado com bordados e nervuras.

Janeiro, sexta-feira: 

12h ISABELA CAPETO 

15h CAROTA JOAQUINA 

17h RESERVA 

18h30 MARCEO SOMMER 

20h ANDRÉ LIMA 

Por 

Mariana Arruda