Arquivo da tag: Melk Z-Da

Dada a largada Fashion Rio Inverno 2010

Padrão

A 16ª edição do Fashion Rio Inverno 2010 começou nesta sexta-feira, dia 8 de Janeiro e vai até quarta, dia 13 de Janeiro.

Abaixo, confira a Programação Completa do Fashion Rio Inverno 2010:

Programação de sexta, 08 de janeiro


18h30 Auslander

A marca Aüslander do estilista Ricardo Bräutigam abre Fashion Rio apostando no preto para inverno 2010.

Com peças sóbrias e sombrias, a Aüslander inaugurou a passarela com tendências urbanas, como ombreiras exageradas, luvas com pontiagudas (o verdadeiro Spike) e redes cobrindo o rosto das modelos, além de suéters e camisas com desenhos impressos.

Destaque para a presença de Rodrigo Santoro que apresentou poses agressivas, provovendo os aplausos do publico.

19h30 Melk Z-Da

A segunda marca, Melk Z-Da apresentou um desfile com foco no design tom rústico, quase rural.

As cores presentes foram as suaves como tons marrons da madeira, os dourados envelhecidos e os azuis de tonalidade pastel e materiais inspirados na paisagem do interior brasileiro.

Destaque para as peças feitas à mão e a textura que pareciam ser feitas de palhas, folhas e de madeira.

20h30 Giulia Borges

Uma das melhores coleções- do meu ponto de vista. A estilista Giulia Borges apresentou seu inverno a partir do terror, partindo do medo do escuro, ela criou sonhos para a fantasia do mundo real.

Vestidos não finalizados, alguns sem golas, outros sem bolsos (esboçados com fita adesiva), algumas com estruturas invertidas, como mangas amarradas na parte das costas. As cores variavam entre preto e bege, com pinceladas de caramelo e vermelho.

Na estamparia, desenhos de bonecas com formas humanas inacabadas do artista plástico canadense Kristian Adam.

21h30 Victor Dzenk

Victor Dzenk buscou inspiração na festa de Dionísio, deus do vinho, e nos demais cenários e criaturas mitológicas da Grécia, como as ninfas. O estilista explicou que a inspiração surgiu porque “A Grécia sempre esteve presente no meu trabalho. Os drapeados já são best sellers de nossas coleções, e desta vez resolvemos fazer uma imersão no universo da mitologia grega e suas influências”.

Destaque da coleção para os mini vestidos drapeados. Na estamparia, apareceu a mitologia misturadas com folhas de parreiras, fazendo alusão ao universo lúdico dos bosques encantados.

Programação de sábado, 09 de janeiro

18h Walter Rodrigues

19h Cantão

20h Lucas Nascimento

21h Printing


Programação de domingo, 10 de janeiro

17h Mara Mac

18h Filhas de Gaia

19h Cavendish

20h Graça Ottoni

21h Coven


Programação de segunda, 11 de janeiro

17h30 Acquastudio

18h30 Claudia Simões

19h30 Maria Bonita Extra

20h30 Juliana Jabour

21h30 TNG


Programação de terça, 12 de janeiro

17h30 Redley

18h30 R. Groove

20h30 Têca

21h30 Espaço Fashion


Programação de quarta, 13 de janeiro

17h30 Nica Kessler

18h30 Patachou

19h30 Andrea Marques

20h30 New Order

21h30 Alessa


Fotos retiradas do site: http://elle.abril.com.br/desfiles/fashion-rio-inverno-2010/

Por

Mariana Arruda

Anúncios

Segundo dia do Fashion Rio Verão 2009/10

Padrão

Confira o segundo dia do Fashion Rio Verão 2009/10, no Pier Mauá:

Sábado (06.06.09)

16:00 – Maria Bonita Extra

Abrindo a programação de desfiles no sábado, a grife Maria Bonita Extra, dirigida pela estilista Ana Magalhães, abriu apresentou uma coleção inspirada na fantasia do Mágico de Oz e na psicodelia da trilha sonora de Pink Floyd.

Na passarela cores fortes em neon, bordados de minipaetês em camisetas brancas, grandes pulseiras coloridas. Estampas florais remetiam à psicodelia fantasiosa.

 mariabonita

As formas são soltas e curtas, em tecidos leves. A cintura aparece predominantemente alta.

Referência da foto: http://estilo.uol.com.br/moda/album/mariabonitaextrav10

 

17:00 – Cavendish – Sala 2

Com referência à tranqüilidade da região da Bretanha – inspiração da estilista Carla Cavendish, a coleção focou a estampa de barco, sugerindo romantismo.

Na passarela, muitas blusas, vestidos, shorts e calças, tudo levemente solto e bem curto.

 cavendish

Destaque para os acessórios: cintos trançados feitos com tecidos da coleção e chapéus delicados nas cabeças.

 Referência da foto: http://estilo.uol.com.br/moda/album/cavendishbx_album.jhtm#fotoNav=14

 

18:00 – Melk Z-Da – Sala 3

Melk Z-da definiu sua coleção como uma “coleção polêmica, de referências não boas”, que buscou inspiração em coletes à prova de balas, armas de fogo e jujubas.

Para a passarela a transformação de cartucheiras em vestidos, balas doces em estampas.

mel

Para suavizar a violência, o estilista investiu nas cores com uma cartela de jujuba (rosa, amarelo, laranja e azul) contrastando o preto e metalizados, remetendo às armas.

A desconstrução do colete à prova de balas deu nova forma a vestidos, estruturando a parte de cima das peças.

Referência da foto: http://estilo.uol.com.br/moda/album/melkzdav10_album.jhtm#fotoNav=19

 

19:30 – Salinas – Sala 1

Apresentando seu verão 2009/10, a Salinas buscou inspiração nas cores vibrantes dos filmes de Pedro Almodóvar.

 Com predomínio do vermelho, intercalado ao amarelo, azul, rosa e verde. As estampas apareceram em florais, corações com flechas, plumas, maxipois.

 salinas

Os biquínis aparecem comportados na parte de cima, com predomínio das faixas, e mais fininhos na de baixo, com lateral string ou de amarrar. Os maiôs aparecem com modelos que variam do tomara-que-caia às peças de uma alça e  cruzadas nas costas.

Destaque para os laços enfeitando diversas peças, fivelas douradas em amarras laterais ou costas e grandes pulseiras de madeira em formato de coração.

Referência da foto: http://estilo.uol.com.br/moda/album/salinasv10_album.jhtm#fotoNav=9

 

20:30- Claudia Simões- Sala 2

A estilista Claudia Simões teve como ponto de partida para a coleção uma estampa de vitória-régia em blusa antiga comprada em um brechó em Nova York.

Como referência a imagem da planta aquática,a estilista buscou as amazonas, para ela, sinônimo de mulher guerreira, assim como suas contemporâneas do século 21). A estampa original ganhou reedição em estamparia digital, grafismos (feito à mão) na forma de camisa comprida e vestido.

claudia

A modelagem sugeria um ar dos anos 80, com volumes amplos, ombros marcados e cintura alta, marcada por cintos finos ou largos.

Referência da foto: http://estilo.uol.com.br/moda/album/claudiasimoesv10_album.jhtm#fotoNav=38

 

21:30 – Printing – Sala 3

 Com foco no trabalho com linho, a marca Printing encerrou o segundo dia do Fashion Rio.

A estilista Márcia Queiroz apresentou uma coleção sem partir de um tema ou uma inspiração principal. “O verão precisa ser leve, me lembra conforto. Então, pensei em pegar o linho, que é um tecido supernobre, e trazê-lo para os dias de hoje. É antigo com frescor”, explicou ela antes do desfile.

Na passarela, o linho foi apresentado em alfaiataria, com nordados florais e pontos de brilho, paetês em formato de concha, além de vestidos assimétricos e plissados, conjuntos fluidos, gola solta, shorts mini e jaquetas.

 printing

Trabalhadas a partir do moulage, as formas vieram soltas.

Havia predominância do bege, mas apareceram cores mais fortes em conjuntos monocromáticos.

Destaque para as estampas de grafismo (listras e bolas) e sutiã inspirado da década de 50 .

Referência da foto: http://estilo.uol.com.br/moda/album/printingv10_album.jhtm

 

Seguindo a programação:

 Dia 7 de junho, domingo
16h Acquastudio
17h30 Mara Mac
19h Têca
20h Graça Ottoni
21h30 TNG

Dia 8 de junho, segunda-feira
16h Apoena
17h Cantão
18h Victor Dzenk
19h Luiza Bonadiman
20h30 Carlos Tufvesson
21h30 Coven

Dia 9 de junho, terça-feira
16h Walter Rodrigues
17h Luciano Canale para Sta. Ephigênia
18h Alessa
19h30 Lenny
20h30 Giulia Borges
21h30 Tessuti

Dia 10 de junho, quarta-feira
16h Juliana Jabour
17h Filhas de Gaia
18h Totem
19h Espaço Fashion
20h Auslander
21h30 Redley

por Mariana Arruda