Arquivo da tag: tendências do SPFW Inverno 2010

5º dia de SPFW Inverno 2010

Padrão

Penúltimo dia de SPFW, hoje, 21 de Janeiro (quinta-feira), vamos ver o que vai rolando por lá, com os seguintes desfiles: 

12h ALEXANDRE HERCHCOVITCH (MASC.) 

Abrindo o quinto dia de desfiles do SPFW Inverno 2010, Herchcovitch mostra coleção inspirada no filme Bergman do sueco Ingmar Bergman, brincando com elementos da morte e da sedução. 

Os modelos apareceram como “caveiras” com dentes enormes e sorriso no rosto (sorriso da morte), mas esse universo sombrio acaba sendo muito sensual. 

 

As peças vieram cheias de zípers, cintos que ajustam apenas de um lado, calças curtas em alfaiataria, muitas pregas em locais estratégicos, golas pequenas, tricô com brilho, em preto e prata e transparência. 

Destaque para o kilt, a saia escocesa, apareceu no xadrez vermelho e preto clássico (punk), além de ternos muito bem trabalhados. 

15h OESTÚDIO 

No mundo contemporâneo em que vivemos, a moda acompanha as transformações da sociedade e transforma seus meios de reprodução/confecção/processo, foi o caso do desfile de OESTÚDIO que foi totalmente virtual. Nenhuma modelo desfilando ao vivo, tudo foi um vídeo no telão que começou com uma mensagem: para se desenvolver tem que se envolver, ao som de Bach, moças apareceram usando as peças da coleção. 

 

Apenas um modelo masculino, uma feminina e dois dançarinos fizeram parte do vídeo. 

As peças apareceram justas, com jeans, muitas sobreposições de camisetas, casacos sequinhos, muito capuz, muito colorido (Preto, cinza, rosa, amarelo, turquesa), listras, bolsões, bermudas. 

16h JEFERSON KULING

O titulo da coleção é “Mesclar” e o estilista Jefferson Kulig fez jus ao tema, relembrou do trabalho na fábrica de tricô dos pais aos 16 anos para criar sua coleção e ainda “Na fábrica, falávamos mesclar quando juntávamos todos os fios que tinham sobrado e usávamos todos juntos”, disse ele, do backstage, antes do desfile.

Na passarela a “mistureba” deu-se por meio da união de vários tipos de tecidos em uma única peça além da seqüência de transparências, em lã, jérsei e tule, formando estruturas.

As cores em tons de cinzas e pretos, com pinceladas de amarelo, vermelho, azul e marrom.

19h NEON 

Os estilistas Dudu Bertholini e Rita Comparato partiram como referência a idéia da caça e do caçador e dividiram o desfile em duas partes.

A primeira parte foi composta pelos looks das “caçadoras” com botas de montaria, blusas de seda, coletes larguinhos, calças de alfaiataria, tricôs e saia-lápis, tudo em tons de marrom e preto e é claro as estampas lindas da marca.

A segunda parte foi inspirada na caça, os animas da floresta como leão, corujas, morcegos, tucanos e elefantes, aí surgiram peças como vestido de um ombro só, bata de coruja, blusas com dente de elefante, ah a coleção foi incrível!

20h WILSON RANIERI 

Penúltimo desfile do 5º dia de SPFW e o estilista Wilson Ranieri apostou em um verão sensual, com pernas e ombros de fora e alguns decotes.

Na passarela peças com aspecto de alfaiataria, comprimento na altura do joelho, macacões, camisas transparentes, feitas com gaze de seda, também vieram peças mais estruturadas como colete com volume, alguns vestido ou saias.

As cores surgiam em tons de rosé, grafite e vermelho, além de preto e cinza.

21h30 LINO VILLAVENTURA 

Encerrando com chave de ouro o 5º dia de SPFW Inverno 2010, Lino Villaventura abriu o desfile ao som de um tango à la Won Kar Wai e ainda contou que nesta estação, criou suas próprias asas e voou na imaginação, o resultado? Uma VIAGEM.

Na passarela modelos vestiam scarpins meia-pata de 15cm, encrustrados com vidrilhos e plumas, chapéus de meio metro de e vestidos estruturados com muito brilho e algumas transparências.

O destaque vai para as aplicação de pérolas, cristais Swarovski e vidrilhos, além de diversas texturas e sobretudo do patchworks criado com bordados e nervuras.

Janeiro, sexta-feira: 

12h ISABELA CAPETO 

15h CAROTA JOAQUINA 

17h RESERVA 

18h30 MARCEO SOMMER 

20h ANDRÉ LIMA 

Por 

Mariana Arruda

4º dia de SPFW Inverno 2010

Padrão

Oi gente, depois de eu ter saído no portal da ig (com foto e tudo mais hehe, confira no post anterior: https://pencefundamental.wordpress.com/2010/01/20/materia-sobre-gafesmicos-no-spfw/), chegou a hora de falar um pouco sobre o quarto dia de SPFW Inverno 2010 com 6 desfiles, confira tudo o que rolou por lá:

20 de Janeiro, quarta-feira:

13h30 GLORIA COELHO

Abrindo o quarto dia de SPFW, a estilista Gloria Coelho faz seu desfile no Shopping Iguatemi e criou uma passarela com placas de energia solar. A inspiração veio da natureza e o resultado? Peças urbanas com um ar futurista.

Na passarela muitas peças com geometria, vestidos emblemáticos, muitas faixas/tiras, ombreiras, franjas, babados.

Os tons variavam em branco, areia, cinza, prata, cobre, rose e o toque colorido ficou nos sapatos.

15h ERIKA IKEZILE

Inspirada em trabalhos de artista: japonês Kumi Yamashita, sueca Mira Schendel e belga Fred Eerdekens, a estilista Erika Ikezili cria uma coleção cheia de letras em metais aplicadas as roupas.

Na passarela comprimentos e modelagens muito comportados, mangas bufantes e volume localizado nos quadris.

Em relação a estamparia, uma composição leve de florais.

16h30 AMAPÔ

As estilistas Carolina Gold e Pitty Taliani criaram uma coleção diferente, sem nexos, inventaram, criaram e arrasaram.

Na passarela muito volume nas mangas (mangas de Henrique VIII), listras soltas, muito zíper, muito jeans de diversas tonalidades, tinha ate look de palhaço com calça largona e casaco sequinho, saias com modelagens malucas, camisas longas, uma mistureba de tudo um pouco, o que tornou a coleção super divertida.

18h HUIS CLOS

Uma marca registrada da Huis Clos é a elegância. A estilista Sarah Kawasaki apresenta sua coleção com acabamentos perfeitos, tecidos incríveis e tons que variavam de nude, preto, marrom e umas pitadas de dourado.

Na passarela saias na altura do joelho, vestidos de cetim, ombros bufantes e mangas ajustadas. Os casacos em lã com pele falsa (OBA!) completaram os looks.

19h30 2ND FLOOR

A coleção inverno 2010 foi inspirada em Sherlock Holmes e no universo dos detetives misteriosos, o resultado? Estampas divertidas com referência a este universo misterioso com instrumentos como faquinhas, cachimbos que a estilista Adriana Bozon criou, além da desconstrução da capa clássica do detetive.

Na passarela muita minissaia, micro-vestidos, casacos, camisas, jeans, maletas e vestidos bordados em preto.

Os tons variavam em tons de cinza, azul e preto.

21h ANIMALE

Encerrando o dia com chave de ouro, a Animale trouxe um desfile que fala sobre tempo, relógio, engrenagens, tudo com acabamento incrível, além da super inovação de espetos feitos de cone de acrílico furados (maravilhosos).

Na passarela o comprimento predominante é mini, muitas sobreposições de vestidos e casacos de lã trabalhada (que sugerem um ar de lã velha com bolinhas, que esta guardada no armário há tempos), os casacos são grossos e cheios de estilo. A silhueta é ajustada.

As estampas aparecem em locais estratégicos e compõe engrenagens, pinos e as peças aparecem com recortes e com tiras e cintos.


21 de Janeiro, quinta-feira:

12h ALEXANDRE HERCHCOVITCH (MASC.)

15h OESTÚDIO

16h JEFERSON KULING

19h NEON

20h WILSON RANIERI

21h30 LINO VILLAVENTURA


22 de Janeiro, sexta-feira:

12h ISABELA CAPETO

15h CAROTA JOAQUINA

17h RESERVA

18h30 MARCEO SOMMER

20h ANDRÉ LIMA


Por

Mariana Arruda