Arquivo da tag: Reinaldo Lourenço

SPFW Verão 2011

Padrão

Toda temporada é assim: um evento atrás do outro, é uma correria, mas mesmo assim é muito gostoso e divertido.

Começa hoje a 29ª edição do SPFW temporada Verão 2011.

Ontem rolou um evento pré SPFW no MAM (Museu de Arte Moderna).

Confira o lin up desta temporada:

09 / Quarta

15h Tufi Duek

16h Erika Ikezili

17h30 Priscilla Darolt

19h Rosa Chá

20h15 Reserva

21h30 Cia Marítima

10 / Quinta

12h30 Iódice

15h Ellus

17h Água de Coco por Liana Thomaz

18h Alexandre Herchcovitch (fem)

19h Cori

20h Osklen

21h15 Triton

11 / Sexta

11h Cavaleira

15h30 Maria Bonita

16h30 Wilson Ranieri

17h30 Movimento

18h30 Simone Nunes

19h30 Samuel Cirnansck

21h FH por Fause Haten

12 / Sábado

13h15 Reinaldo Lourenço

15h30 Jefferson Kulig

16h30 Animale

18h30 Ana Salazar

20h Adriana Degreas

21h30 Lino Villaventura

13 / Domingo

12h Do Estilista

14h Neon

16h João Pimenta

17h Paola Robba

18h Amapô

19h Mario Queiroz

21h Colcci

14 / Segunda

13h15 Gloria Coelho

16h Alexandre Herchcovitch (masc)

17h Ronaldo Fraga

18h30 Fernanda Yamamoto

19h V.Rom

20h15 André Lima

Por Mariana Arruda

Contato: pencefundamental@hotmail.com/ mariana.as@uol.com.br

Anúncios

2º dia de SPFW Inverno 2010

Padrão

Segundo dia de SPFW Inverno 2010 com 7 desfiles, confira tudo o que rolou por lá:

Hoje, 18 de Janeiro, segunda-feira:

10h MARIA BONITA

Abrindo o segundo dia de SPFW, com uma manhã de sol, Danielle Jensen mostrou sua coleção na passarela montada em pleno Sesc Pompéia. A inspiração veio da arquitetura da modernista Lina Bo Bardi, autora do projeto.

Na passarela tudo remetia à arquitetura, o concreto virou linho cinza, vestidos, calças de tecidos tecnológicos, macacões com cortes geométricos, paletós e blazers oversized, tudo com um toque de Maria Bonita: modelagem solta e confortável.

As cores predominantes foram cinza e gelo, com algumas pinceladas de vermelho, azul e verde.

12h30 REINALDO LOURENÇO

Reinaldo Lourenço decidiu trabalhar com os extremos nesta coleção de inverno 2010. A inspiração veio dos uniformes da decáda de 1940, a coleção veio com bolsos utilitários e ombros destacados.

Na passarela houveram dois momentos: um cheio de cocktail dresses de musseline metalizada, com babados e broches, superfemininos que indicavam a vitoria da luz, celebração da espiritualidade, com vestidos mais claros, leves e fluídos. Outro mais “hardcore”, coletes e pelerines de lã, com saias e calças sugerindo uma silhueta militar, além das jaquetas de couro, botas e zípers.

15h MARIA GARCIA

Com referência ao mix de dance anos 90, hip hop, R&B e streetwear, a marca Maria Garcia faz uma “remasterização” de materiais criando uma moda de rua chic.

Na passarela casacões de lã, shorts de renda, bermudões estampados, jardineiras larguinhas, jaquetas, legings de renda com punho de malha sugerindo um ar esporte chic. As cores aparecem em prata, dourado, preto, cinza, rose, além do vermelho.

17h ALEXANDRE HERCHCOVITCH (FEM)

Partindo do folclore da Geórgia e de imagens do diretor Sergei Paradjanov, Herchcovitch mostra sua coleção feminina de inverno com muito patchwork(adoro) e referência punk (adoro²!).

O resultado? Na passarela apareceram sobreposições e diferentes texturas em casacos perfeitos usados com vestidos de seda rasgados, calças de alfaiataria com camisas repletas de paetês e vestidos com tachas.

Como detalhe de algumas peças, os cristais apareceram aplicados em algumas regiões das roupas.

18h30 CORI

As estilistas Andrea Ribeiro e Giselle Nasser utilizaram como referência da coleção as formas dos anos 1960, inspiradas nos figurinos de cinema da americana Edith Head.

Na passarela os vestidos e a alfaiataria foram o ponto principal, o centro das atenções, não só no corte, modelagem como nos tecidos. Casacões amplos, macacões com cintura marcada, ombros arredondados, além de calças justas e retas.

Os tons variavam entre preto, cinza, branco, azul e roxo e os sapatos são altíssimos, deixando as mulheres nas alturas.

20h FORUM TUFI DUEK

Na direção criativa de Eduardo Pombal, ele assina sua primeira coleção para a Forum Tufi Duek apostando em elementos do fetiche, mostrando na passarela várias peças sensuais, mas sem vulgaridade, inovando na forma e utilizando novos materiais.

A passarela muito couro (infelizmente não é couro sintético), diversas jacquard com diferentes texturas como tafetá bordado, paetês e neoprene de seda. As peças são estruturadas, com silhueta bem definida, além das saias amplas e curtinhas.

As cores são neutras: preto, cinza, chumbo, marinho, verde-militar e amarelo.

21h30 SAMUEL CIRNANSCK

Encerrando o 2º dia de SPFW Inverno 2010, Samule Cirnansck apresentou sua coleção que foi inspirada no mobiliário de Thomas Chippendale bastante trabalhado e repleto de linhas curvas.

Foto do "vestido-mesa" de Samuel Cirnansck, foto retirada do blog da uol: http://blogspfw.blog.uol.com.br/arch2010-01-17_2010-01-23.html#2010_01-18_21_47_41-5009949-0

A coleção passou um ar nostálgico e romântico, com peças delicadas.

Abaixo, confira o lin-up completo:

19 de Janeiro, terça-feira:

12h30 IÓDICE

15h RONALDO FRAGA

16h30 SIMONE NUNES

18h FABIA BERCSEK

19h30 ELLUS

21h TRITON


20 de Janeiro, quarta-feira:

13h30 GLORIA COELHO

15h ERIKA IKEZILE

16h30 AMAPÔ

18h HUIS CLOS

19h30 2ND FLOOR

21h ANIMALE


21 de Janeiro, quinta-feira:

12h ALEXANDRE HERCHCOVITCH (MASC.)

15h OESTÚDIO

16h JEFERSON KULING

19h NEON

20h WILSON RANIERI

21h30 LINO VILLAVENTURA


22 de Janeiro, sexta-feira:

12h ISABELA CAPETO

15h CAROTA JOAQUINA

17h RESERVA

18h30 MARCEO SOMMER

20h ANDRÉ LIMA


Por

Mariana Arruda

Terceiro dia SPFW Verão 2010

Padrão

Confira tudo o que rolou nos desfiles do terceiro dia de SPFW Verão 2010:

Sexta-feira (19/06):

12h15 – Reinaldo Lourenço(FAAP)

Abrindo o terceiro dia de desfile do SPFW Verão 2010, desfilando na FAAP, Reinaldo Lourenço buscou para sua coleção, inspiração no café, desde as flores da planta, quanto os plantadores e colonos.

reinaldo

Na passarela havia muito vestidos de cintura cortada, estampas com flores e grãos de café, terninhos em tons de pele ou preto (feitos em tecidos novos- tramados como sacaria), peças estruturadas como base o corselete, com bojos rígidos bordados com miçangas.

Destaque para o brilho e a textura da ráfia que compunha as peças, além da transparência e decotes, suavizando a atmosfera masculina.

Referência da foto: http://estilo.uol.com.br/moda/album/reinaldolourencov10_album.jhtm

 

 15h30 – Simone Nunes 

Buscando inovação, a estilista Simone Nunes convidou o artista plástico e skatista Sesper para ajudá-la na criação da coleção verão 2010.

Com diversas referências, desde de Dior (anos 70), Janine Niepceron, o avesso das roupas até garotas contemporâneas, como Lara Stone, Cori Kennedy, a coleção apresentou cores em tons de nude, coral, caju, preto e tiffany.

simonenunes

Na passarela o comprimento predominante é o curto e cintura marcada.

Destaque para as aplicações de rolotês prata com correntes nas peças.

Referência da foto:http://estilo.uol.com.br/moda/album/simonenunesv10_album.jhtm

 

16h30 – Água de Coco

Com inspiração na Tailândia,especificamente na “riviera oriental” e toda cultura mística do local, a estilista Liana Thomaz  apresentou uma coleção bem colorida e estampada.

Na passarela biquínis e maiôs apareceram trabalhados, sejam por nós ou drapeados e trançados de palhas.

aguadecoco

Os acessórios vieram dourados, como brincos e pulseiras, além de fitas elásticas coloridas ajustadas nos corpos das modelos.

Referência da foto:http://estilo.uol.com.br/moda/album/aguadecocov10_album.jhtm

 

17h30 – Carlota Joakina

Com referência aos parques temáticos, a marca Carlota Joakina intitula sua coleção “Carlota just wanna have fun”.

Na passarela peças com silhueta justa, coladas ao corpo e acessórios em plástico, fazendo alusão aos parques aquáticos.

carlotajoakina

Depois apareceram peças com pontos mais coloridos combinados ao branco e preto, muitos bolsos de diferentes tamanhos, além de tiras aplicadas em vestidos, remetendo ao parque de diversões, exclusivamente no brinquedo “Chapéu Mexicano”.

Por fim, vários looks em branco com origamis, encerrando o desfile.

Referência da foto:http://estilo.uol.com.br/moda/album/carlotajoakinav10_album.jhtm#fotoNav=7

 

18h30 – Fábia Bercsek

Como tema da coleção, a dança, Fábia Bercsek convocou Elvis, tanto na trilha quanto no estilo “velho oeste” e mostrou uma coleção com a identidade da marca: sweet rock’n roll.

Na passarela vários longos, vestidos com babados, estampa tye dye, túnicas, saiões, vestido de tricô com franjas e o diferencial: utilização de tecidos nobres como tafetá, organza e musseline.

fabiabercsek

Detalhes como taxas e medalhas, além do couro, xales de crochê e chapéu cocô faziam o cruzamento entre o estilo de Elvis “rock Las Vegas” e o rock’n roll.

As cores se mesclavam em rosa, coral e preto com dourado.

Referência da foto:http://estilo.uol.com.br/moda/album/fabiabercsekv10_album.jhtm

 

19h30 – Ellus  

Com inspiração nos motoqueiros  “easy rider”,  a marca Ellus, para a temporada primavera/verão 2009/10 resolveu investir na cor branca para sua coleção.

Na passarela a marca mostrou foco no jeans branco, tanto para looks masculinos quanto femininos, em calças, jaquetas e shorts.

ellus 

A silhueta apareceu ajustada e mais seca, e a cintura mais baixa. As cores, além do branco predominante, apareceram em tons de cinza, preto e coral.

Com referencia nos motoqueiros, ilhoses, zíperes e as luvas, apareceram para completar os looks do desfile.

Referência da foto:   http://estilo.uol.com.br/moda/album/ellusv10_album.jhtm   

  

21h – Triton

Encerrando o terceiro dia de desfiles do SPFW Verão 2010, a grife teenager Triton mostrou uma coleção bucólica, apelando para a memória sentimental de sua clientela, a infância.

A cartela de cores era toda de menininha: amarelinho, rosinha, lavandinha, até o jeans, super lavado, um azul quase branco. E as estampas de florzinha, bolinha, listrinha e xadrezinho.

triton 

Na passarela vestidinhos, mangas bufantes, casaquinhos, muito brilho, devido aos paetês e, para completar o look das meninas a meia-calça com cinta-liga apareceu nos looks, tentando quebrar a atmosfera infantil e inserir um lado mais sexy.

Para o publico masculino a coleção veio mais adulta, repleta de xadrez, jeans, estampas “mais limpas” e listras.

Referência da foto: http://estilo.uol.com.br/moda/album/tritonv10_album.jhtm

 

 Abaixo, a programação completa:

Sábado (20/06):

12h45 – Gloria Coelho

13h45 – Gloria Coelho

15h30 – Erika Ikezili

16h30 – Maria Garcia

17h30 – FH

19h – Oestúdio

20h30 – 2nd Floor

21h30 – Animale

 

Domingo (21/06):

12h00 – Cavalera

14h30 – Neon

15h30 – Ronaldo Fraga

17h00 – Jefferson Kulig

18h00 – Mario Queiroz

19h30 – Lino Villaventura

 

Segunda-feira (22/06):

15h00 – Isabela Capeto

16h00 – Wilson Ranieri

17h00 – Movimento

18h00 – Alexandre Herchcovitch (masculino)

19h00 – Reserva

20h15 – Samuel Cirnansck

21h30 – André Lima

Marie Rucki e o Studio Berçot no Brasil

Padrão

mary

Marie Rucki é o grande nome do Studio Berçot , uma das mais conceituadas escolas de estilismo do mundo, fundado por Suzanne Berçot, com o intuito de oferecer aos seus alunos cada vez mais conteúdo cultural para ser aplicado em seus designs.

A boa otícia é que os profissionais e estudantes braileiros terão a oportunidade de participar de um de seus cursos, com a própria Marie Ruckie sem precisar ir a Paris!

Trazida pela Escola São Paulo, Rucki fará uma série de palestras e um workshop para debater as novas tendências e postura no mundo da moda.

Já passaram por seus cursos nomes como Reinaldo Lourenço, Glória Coelho, Lorenzo Merlino e Jefferson Kulig.

“Foi muito importante na minha carreira porque ela é minha mestra”, comenta Glória Coelho.

Confira como foi a edição de 2008 do evento:

Quem já conhece o estilo da grande professora sabe que os alunos do Studio Berçot são preparados como se estivessem já no mercado, produzindo coleções semanalmente.

marie

PALESTRAS

– 13 de abril:  Marie Rucki e Fabrice Paineau – Os novos territórios da moda – inter-relação moda, arte contemporânea e cinema

– 14 de abril: Marie Rucki e Fabrice Paineau- O cinema como parte integrante do sistema da moda

– 15 de abril: Marie Rucki e Fabrice Paineau – Fontes de pesquisa:inspiração,influências e conseqüências

– 16 de abril: Marie Rucki e Fabrice Paineau – Criadores e cineastas : pensando sobre as relações entre moda & cinema

– 17 de abril: Marie Rucki – As novas tendências de moda, novos criadores

WORKSHOP

A partir da análise das últimas tendências de moda o aluno desenvolverá uma pesquisa para criar uma proposta de moda (coleção ou produto) através do estudo da estética cinematográfica.

O workshop tem a duração de cinco dias (de 13 a 17 de abril, das 15h às 18hs) e, como é um curso  prático, é principalmente voltado para estilistas,  estudantes e iniciados em moda com conhecimentos básicos em moulage.

Preços

Palestras avulsas: R$ 100,00

5 dias de palestras: R$ 150 + 2 parcelas de R$ 150

Workshop – R$ 580 + 4 parcelas de R$ 580 (5 aulas | 15 horas )

Clique aqui para fazer sua inscrição!<!–

| Aula avulsa –

–>

 

Quarto dia do SPFW Inverno 2009

Padrão

12h00 Reinaldo Lourenço

reinaldo

A cada temporada melhor, Reinaldo traz muita ousadia à mulher urbana.

O desfile mostrou uma coleção que não abre mão do luxo, com peças muito sofisticadas e ornamentação inspirada na arte dèco (saiba mais em http://pt.wikipedia.org/wiki/Art_d%C3%A9co) com looks com recortes de patchwork geométricos que se destacavam dando um aspecto tridimensional.

No desfile foi possível observar muitas franjas e drapeados nos vestidos dos anos 20.

A palavra chave do desfile foi o brilho.

Veja alguns momentos do desfile:

 

14h30 Erika Ikezili

erika

O tema da coleção é o furoshiki, pedaços de tecidos usados no Japão para embrulhar compras, pesentes e objetos (saiba mais em http://www.cosplayers.net/content/index.php/cultura-japonesa/furoshiki-o-charme-dos-embrulhos-japoneses.html).

Contou com muito crochê, sobreposições com referência aos looks embrulhados japonistas.

Veja alguns momentos do desfile:

 

15h30 OESTUDIO

oestudio

O tema da coleção foi inspirado na “cegueira” que gerou a crise mundial, a cegueira social.

O destaque do desfile foi as amplas saias e bermudas femininas e os casacos de lã texturizados.

Durante o desfile, a trilha foi a narração de “a bolha”, poema do economista Paulo Rabello de Castro, sugerindo uma atmosfera de tortura.

Veja alguns momentos do desfile:

 

16h30 Ellus

ellus

A marca apresentou o básico, que é o forte da grife.

A coleção apresenta uma linha de jeans, que é a melhor da temporada, além de camisas xadrez, casacos básicos, jaquetas, tudo usável e pronto pra entrar na loja.

A inspiração da coleção são os uniformes de trabalho, que tem relação direta com a origem de jeans.

Veja alguns momentos do desfile:

 

19h00 Wilson Ranieri

wilson

A marca apostou na elegância.

Segue seu trabalho com base no moulage (peças desenvolvidas diretamente no manequim ou corpo do modelo).

Destaque para os vestidos da coleção.

Veja alguns momentos do desfile:

 

20h00 V.ROM

vrom

 Mudar o guarda roupa do homem deste inverno parecia ser a missão da V. ROM, que apresentou uma coleção mesclando conforto, estilo e ousadia.

O xadrez apareceu em várias peças e de várias formas.

Veja entrevista com o Gianecchini, nos bastidores do desfile:

 

 

21h15 Animale

animale

O principal destaque do desfile foram as jaquetas duras, estruturadas, ajustadas na altura da cintura, que conseguiu aliar a criatividade da estilista à questão comercial, já que é uma peça pronta pra entrar nas lojas.

Confira a entrevista de Daiane Conterato:

  

Todas as fotos retiradas do site: http://estilo.uol.com.br